reCAPTCHA demo: Simple page

Anticoncepcionais, saiba a relação deles com as varizes

Cartela de anticoncepcionais na mão de uma mulher

As varizes se estabelecem como um dos maiores problemas estéticos da nossa geração. A doença é  dada quase sempre como genética e estima-se que 75% da população brasileira tem varizes, sendo grande parte desse número, constituído por mulheres. Esse fato acontece devido ao número de alterações hormonais que as mulheres enfrentam durante a vida. E falando em hormônio, você sabia que anticoncepcionais influenciam no surgimento de varizes? Vamos entender como! 

 

As veias varicosas (varizes) são dilatadas e na maioria das vezes, ficam evidentes, pois se formam logo abaixo da camada da pele e constantemente estão localizados nos membros inferiores e podem ter diferentes calibres. 


Mas como as varizes se formam? 

 

As varizes se formam devido ao um processo degenerativo na parede das veias. Um processo inflamatório que provoca uma dilatação e perda de elasticidade na veia. 

As varizes podem ocorrer devido diversos fatores, mais frequentemente devido a genética e problemas de circulação. Outro fator importante são os hormônios e suas alterações provindas de reposições, gravidez e anticoncepcionais. 

 

As pílulas anticoncepcionais 

 

Em mulheres, as varizes podem ocorrer devido a alteração de hormônios como o estrogênio e progesterona, hormônios estes que geralmente estão presentes nos anticoncepcionais. A progesterona facilita o processo de vasodilatação e o fluxo do sangue nas veias, favorecendo a formação das varizes, já o estrogênio, é um hormônio natural produzido pelos ovários femininos e está presente no ciclo menstrual e sua alteração também está associada a formação de varizes

 

Contudo, é importante ressaltar que esse método contraceptivo está cada vez mais moderno e seus níveis de hormônio estão cada vez mais baixos, o que torna os efeitos colaterais menores. Desse modo, é mais viável relacionar as varizes com os anticoncepcionais quando há outros fatores envolvidos, como a predisposição genética, excesso de peso, sedentarismo, entre outros. 

 

Tenho dúvidas sobre qual tipo de contraceptivo usar. E agora?

 

Não se preocupe, hoje em dia há vários tipos de anticoncepcionais no mercado, como a camisinha, que além de evitar uma possível gravidez, também protege contra doenças sexualmente transmissíveis e claro, não possui hormônios que vão afetar de alguma forma a função do seu corpo.

Além dessa opção, temos aqueles métodos que assim como as pílulas anticoncepcionais, liberam uma grande quantidade de hormônio, como a injeção mensal, implantes, espermicidas, DIU entre outros.

 

Não deixe de se consultar

 

Esteja sempre em dia com seu médico. Antes de usar anticoncepcionais, consulte um profissional ginecologista, pois ele é o especialista nesse caso e irá lhe orientar na escolha do contraceptivo ideal para você. 

 

A escolha de qual método utilizar não se faz sozinha, seu médico tem total importância nessa decisão, ele escolherá o melhor para você com base nas necessidades do seu corpo e o que melhor te atende.

 

Dessa maneira podemos perceber um dos motivos pelos quais as varizes afetam mais o sexo feminino. Mesmo escolhendo um contraceptivo ideal para a sua necessidade, ainda assim é um bombardeio de hormônios no seu corpo e essa mudança pode trazer riscos a sua saúde se não houver um acompanhamento especializado. Não deixe de se consultar periodicamente!

 

E se você sofre com varizes, está no lugar certo! A CEP Varizes tem o tratamento ideal para tratar as veias varicosas com um método simples e eficaz, sem cirurgia e sem repouso! Já ouviu falar no tratamento para varizes com espuma? Esse é o método da CEP Varizes, que consiste na aplicação de um medicamento em forma de espuma direto nas varizes, fazendo com que o sangue se desloque, devolvendo-o para a circulação.

 

Leia também:

 

Clique no botão abaixo e agende já o seu tratamento de varizes!

Clique aqui para agendar

Deixe um comentário